Vítor e a colônia de férias

Pela primeira vez, colocamos o Vítor numa colônia de férias. Primeira por vários motivos. O primeiro e mais importante é que eu não sei se esse fenômeno se repete em outras cidades do País, mas aqui em Brasília elas são bem caras. Sempre desistia na última hora, o bolso falava mais alto. O segundo motivo é que o Vítor sempre estudou em escola de período integral, daquelas que não têm férias. Então nunca tive que me preocupar em pensar com quem ele iria ficar ou ter o que fazer, eles sempre davam um jeito nisso. Terceiro porque o Vítor não era uma criança lá muito sociável e não queria ficar, chorava e era um trabalhão. Então eu nem queria me estressar com isso.

Esse ano foi diferente. Ele já ia mesmo sair da escola, então eu o deixei ficar em casa comigo, já que estou de licença maternidade. Mas ele quer atenção o tempo todo - e aqui vale uma pausa pra explicações: antes que venham dizer que isso é porque ele ganhou uma irmã, ciúmes e coisa e tal, explico logo que não tem nada a ver. Ele SEMPRE foi assim. Eu digo que se eu ganhasse 10 centavos por cada vez que o Vítor diz "mãe", eu estaria milionária. E como é que se cuida da casa (a faxineira tomou chá de sumiço), de um bebê e de tudo o mais com uma criança que te chama a cada 2 minutos?

Bem, ia eu saindo do condomínio quando vejo a faixa da colônia, num condomínio aqui do lado. Enrolei muitos dias, liguei pro telefone um dia antes de tudo começar. Gostei do preço, gostei da proposta e gostei mais ainda do responsável dizer que vinha na minha casa fazer a matrícula e mostrar a programação, as regras e conhecer o Vítor. Quando ele chegou aqui e eu vi a proposta, topei na hora. E foi ótimo!

Foram 5 passeios: o primeiro para o Zoológico, que até rendeu mais uma pérola do Vítor. O dia amanheceu chovendo, parecia que não ia rolar passeio. E o Vítor trombudo, com cara de choro. Aí eu disse pra ele: meu filho, não se preocupe. Se não der pra ir hoje, eu te levo outro dia. Afinal, o Zoológico não vai fugir, nem os bichos. E ele: os bichos só não vão porque tão presos, né mãe?

O segundo passeio foi para o RM Hotel Fazenda, onde eles passaram o dia inteiro. Inclusive estou doida pra passar um sábado ou domingo lá, parece ser muito legal e é pertinho da minha casa.

Os outros passeios foram: Cinema (viram Alvin e os Esquilos 2), Clube dos Previdenciários e Bay Park . E ele se divertiu horrores em todos eles. Além disso (foram 2 semanas), ele também participou de gincanas, show de mágicas (mamãe, ele FEZ APARECER um coelho, um pombo e um periquito!!), festa à fantasia, brinquedos infláveis e muitas outras coisas. E fez amizades, o que ele não fazia muito até o ano passado. Fiquei orgulhosa do meu filhote!

Às mamães que tiverem uma oportunidade como estas eu recomendo!

4 comentários:

Dany, Danielle disse...

Sempre coloquei os meus na colonia de ferias ou da Apcef ou do Minhs Brasilia. ELes amavam!!!!
Relamente o preco que cobram em BSB é absurdo!
Olha, eu realmente vi o quanto ele te solicita! Por ser uma criança muito esperta e inteligente ele tem uma característica: é questionador e curioso. Então lmebro dos nossos passeios e as chuvas de perguntas que ele fazia pra vc, de 1 em 1 segundo. FOfo demais!!!
Fiquem bem!
Bjos

Diana Walkiria disse...

Oi

Sempre leio seu Blog, eu tb moro perto do RM.hehehe...o Rancho Canabrava que é perto tb , tb está com uma programação legal.
www.ranchocanabrava.com.br

beijão

Diana

www.dianawalkiria.blogspot.com

Andréa Peixoto disse...

Oi Tati, fazia tempo que não aparecia por aqui não é mesmo? Mas, tô até levando bem esta história de lavar-passar-cuidar da turma-mercado etc. Ademais, sou mulher! hihihi... A gente sempre dá conta!

Pois é, os preços das colônias não muito atrativos. Isabela só foi uma vez (nas férias de julho) pra do Mapati... realmente, é um outro tipo de colônia, eles não saem... Ainda tenho receio de um acidente, essas coisas... mas acho super legal mesmo! Esse ano eu ainda fui ver... Mas eu queria se fosse para os dois e não encontrei... E, como a mamãe levou a abaixinha pra praia, despreocupei.

Eles estão crescendo. São passeios que, lógico, dá pra gente fazer com eles, mas essas são experiências únicas e deles. Faz parte do crescimento deles, e nosso também. Certamente que sempre vai falar dessas férias. Contar um monte de histórias.

Parabéns para vocês dois! Beijos!

Marina (Maẽrinnex) disse...

Assim que Sansão tiver tamanho tb quero que vá p/ colônia... É só achar uma em Salvador, que nao meta a faca.. rss
sempre via em filme e sonhava em ir ...kkkk

Related Posts with Thumbnails
 

Entre Fraldas e Livros Copyright © 2015 | Tema por Girly Blogger Template | Ilustração por Anne Pires