Nossa casa

Quem me acompanhou do outro blog aqui sabe que a gente estava com tudo certinho pra mudar pra um apartamento. Pequeno, mas nosso. (Se vc não sabe, veja aqui) E sabe também que por vários problemas, não deu certo.

Hoje em dia eu só sofro porque sei que, quando formos ter nossa casinha, muito provavelmente não será por aqui. É que moramos num condomínio muito gostosinho e legal. Mas toda essa área está no meio de uma disputa judicial (vou colocar lá embaixo a explicação do fato), o que significa que nenhuma casa tem escritura. O que significa que não é possível conseguir financiamento pra comprar aqui. E sem financiamento, nada feito pra gente, né?

Algumas pessoas acham que aqui é longe. Minha mãe é uma dessas pessoas. E eu pergunto: longe do quê? Porque eu moro a 15 km do meu (ex) trabalho e da escola do Vítor. Com engarrafamento, levo uns 20 minutos pra chegar lá. Sem trânsito, em 10 eu chego. O trabalho do Gustavo também é pertinho daqui. Mas quem é de Brasília tem essa mania. É que como as coisas desenvolveram primeiro para o lado Sul e depois pro Norte, tudo que fica nesse último é considerado "longe", mesmo que seja muito mais perto do que os do Sul.
Vítor e a linda vista que temos.

Ah, mas eu ainda vejo um montão de vantagens: pro lado de cá as coisas são bem mais em conta do que lá pro centro. Como escola, faxineira e coisinhas pra festa (aluguel de brinquedos, cadeiras e mesas, decoração), por exemplo. É que no Plano Piloto geralmente mora gente mais endinheirada, então as coisas são mais carinhas. Aqui dá pra encontrar coisas legais, mas com preços mais "saudáveis". 

Eu também gosto de morar na "serra". Duvida? Olha aqui esta foto. Tá vendo aí, eu moro em cima deste morro. Pra ter uma noção da altura, olha ali embaixo o tamanho do "poste" (como chama esse troço de passar fios, que parece uma super antena?) perto da serra.



E o friozinho gostoso que faz aqui? Assim eu gosto, não é exagerado como lá no Sul, mas dá pra sentir o gostinho. Sem contar que a vista é linda!

Vítor pronto pra ir pra escola, às 6 e pouquinho da manhã.

Aí vem a vantagem de se morar num condomínio fechado, com guarita onde todo mundo só entra depois de apresentar documento e se cadastrar. E com ronda de moto a cada 15 min, aproximadamente. Muitas casas daqui não têm muro nem cerca. Ou tem bem baixinho, acho que só pro cachorro não fugir ou coisa do tipo. Se eu vou ali na padaria ou outro lugar assim pertinho, nem fecho o portão. E se o Gustavo esquece de trancar alguma coisa, não preico mais brigar e ficar estressada. Os gatos ficam soltos, podem passear por aí a vontade. E aqui tem parquinho, pracinha, lagoa com patos, peixes e tartarugas e uma academia (dessas da terceira idade, sabe? Ao ar livre).

O lago

Os meninos brincando de barquinho de papel, os patos passeando tranquilos.

Ah, é um silêncio também!! E olha que moro numa rua que dá acesso a vários outros conjuntos. Mesmo assim é uma calma muito boa. Passarinhos cantando. E nada daqueles caminhões infernais que entregam o gás e levam sua paciência embora.

 A garça prontinha pra abocanhar uns peixinhos.

Meu cunhado empurrando as crianças no balanço.

É, eu sei que ter um cantinho nosso de verdade vai ser muito bom. Mas enquanto isso, acho que vou curtindo isso aqui o máximo que eu puder!

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------

*Explicando o troço da decisão judicial. Aqui onde moro deve ter uns 30 condomínios ou mais. Antigamente era uma fazenda imensa, cujo dono faleceu e os filhos dividiram a terra que receberam de herança. Aí um deles resolveu vender a parte dele. Provavelmente ele percebeu que o negócio dava dinheiro e que os irmãos não tinham percebido o potencial que tinham em mãos. Então, ele resolveu vender também o dos irmãos. Claro, sem que estes soubessem disso. E mais claro ainda é que ele sumiu com todo o dinheiro. Desde então, está uma briga judicial sem fim pra resolver o "enrolation" que sobrou por aqui.

11 comentários:

Diana Walkiria disse...

Oi Thaty

Eu tb moro em Sobradinho a cerca de 10 anos, depois de passar a vida toda morando no Plano. E eu acho que a qualidade de vida e sossego e muito maior.Sou veterinária e precisava de um espaço para ter meus bichos, então moro em uma chácara na DF330, do lado da rota do cavalo(DF440).Assim que vim, direcionei trabalho e amigos tudo para cá. Quem gosta de mim vem até a minha casa. Como a maioria das terras em Brasília, meu terreno tb e enrolado por que o antigo dono parcelou e o governo ainda não regularizou.Graças a Deus, tem uma lei nova do Dep. Rodrigo rollemberg que permite que o governo venda a terra direta para seus ocupantes, o que me beneficiaria.Mas com esse barraco que virou o GDF, a gente ainda teve esse sonho adiado.
Infelizmente tive que voltar a trabalhar no Plno piloto e todo dia eu pego um trânsito dos infernos, coisa que eu simplesmente desconhecia. Olha, tem dia que dá vontade de me mudar de Brasília. Mas daí eu lembro que eu já moro na roça, e que vivenciar esse trânsito é so uma questão de tempo. Adoro Sobradinho, aprendi a amar esta região e eu não troco tudo isso por nenhum lugar.
Beijão.
Diana

Tenikey disse...

Nossa taty que lugarlindo que vc mora!
podiam oficializar as coisas por ai mais rapido né?
aproveite mesmo que lugares assim "perto do paraiso" sao poucos.

beijoss

Laudiane disse...

Nossa...
Que correria ser mãe mal tenho tempo de ir ao banheiro porisso ando tão ausente da minha vida blogueira mas amo muito isso aqui e amo receber visitas de amigos.
Que Deus abençoe sua vida e a de seus familiares e venha sempre me visitar....adoro seu blog.
Que bom tela em minha T.L novemente

MIl beijos
Da amiga de sempre

Laudiane disse...

Lindasssssssssssssssss fotos

Kelly Resende disse...

Oi Taty, eu já morei 6 anos num condominio no Colorado e adorava! Depois me mudei de Brasilia e qdo voltei como não tinha mais meus cachorros e ia morar só, resolvi ficar no Plano, num ap pequeno. Agora com a Clara ando querendo voltar para os condominios, mas fico com medo de comprar algo por aí por ser irregular e tb pelo transito. Mas essa região é tudo de bom, meus gatos e a Clara iam amar!
Abraços

Marilia Mercer disse...

E aluguel, é caro aí? Rs...

Alê Schnabel disse...

que delicia esse lugar tathy!
realmente, estaria com a mesma 'dó' de sair dai...
mas as vezes o lugar de voces agora, vao trazer outras coisinhas gostosas...
e vcs vao ter otimas lembranças desse condominio tbm!

beijão
e lindas as fotos

Andréa Peixoto disse...

Thaty,

Os planos de Deus, nem sempre são os nossos. Nós usamos relógio e temos hora marcada ao contrário, Deus nos prepara primeiro para depois nos presentear e, sem data marcada.

Fico feliz porque você está sabendo aproveitar tudo de bom que há ao redor de vocês, como e principalmente, cuidar da família (filhos e marido) que não é uma tarefa fácil. Nós ainda temos uma tecnologia absurda que podemos usufruir...

Há dois anos compramos nosso apartamento e ainda não mudamos porque a obra atrasou. [...] Para mim tem sido muito difícil e complicado... Imagina, moramos no fim da Asa Norte, marido trabalha em Planaltina e os filhos já estão estudando em Taguatinga... Nada fica tão perto assim... Ainda assim, tem lá suas vantagens... Contudo, Deus tem nos livrado de umas boas nesse "tempo de atraso" da obra.

Sua mãe reclama. A minha também. A diferença é que fomos criadas em uma época que as nossas mães não tinham carro, nem computador, nem celular e ou se morava num canto ou em outro e tudo poderia ser feito à pé... Não tinha nem engarrafamento... Acho mesmo que elas falam porque não entendem que somos diferente delas...

Enfim! A gente desabafa porque às vezes ficamos sufocadas com tanta pressão. Bom demais ter notícias boas de vocês! Beijos!

Thaty disse...

Kelly. realmente, pra quem mora no Plano, o transito daqui é ruim. Mas se for comparar com quem mora pros lados de Águas Claras e Taguatinga, aqui é bem melhor. Eu já morei por lá e prefiro o engarrafamento daqui...rs


Marília, o aluguel é até mais em conta do que em outras partes da cidade, pois como eu disse lá no post, aqui é considerado "longe".

Beijos

Heloiza disse...

Querida...

Enqto as mudanças não acontecem, temos mesmo que appproveitar o que ESTÁ acontecendo de bom. As vezes eu não consigo essa proeza.

Deus reservará para vc o que hpá de melhor, com certeza.

Obrigada pela sua amizade!

Bjs

Jeniffer, Anderson, Alice e Ângela disse...

estamos de volta ao mundo dos blogs... nos adiciona lá!

http://aliceeangela.blogspot.com/

Related Posts with Thumbnails
 

Entre Fraldas e Livros Copyright © 2015 | Tema por Girly Blogger Template | Ilustração por Anne Pires