Aprendendo a ser líder com o Movimento Escoteiro



No final de semana retrasado eu participei de uma atividade no nosso grupo escoteiro que tinha o objetivo de ensinar e relembrar várias técnicas para os jovens. E umas das atividades me chamou bastante a atenção, porque falava sobre liderança. E eu pensei bastante sobre isso, me lembrei do quanto o escotismo foi importante na minha formação, nos meus primeiros passos sobre liderança, sobre o que é ser um bom líder.

Você pode estar se perguntando: o que escotismo tem a ver com liderança? Na verdade, escotismo tem a ver com um monte de coisas que a maior parte das pessoas nem sonha. São diversos valores e potenciais trabalhados com leveza, com ares de brincadeira e diversão, que proporcionam um aprendizado para a vida inteira. Então resolvi que, periodicamente, vou falar um pouco sobre o assunto aqui no blog, pra dismistificar

Bem, mas eu não vou falar com as minhas palavras. Vou colocar aqui um pouco do que o escotista Claudinei Cunha falou no dia do acampamento, já que foi o responsável por essa dinâmica e acredito que as palavras dele sejam mais adequadas, até pra não fugir do contexto do que foi apresentado. Mas coloquei algumas observações e complementos meus, então no fim é um texto a quatro mãos:

Quem pode se considerar um bom líder? E quem vocês acham que é um líder melhor? Quem faz tudo e pronto ou quem consegue delegar as funções? Claro que um bom líder é sempre aquele que consegue delegar para os seus comandados as funções que precisam ser feitas e cuidar para que elas sejam feitas de maneira satisfatória. Surgiu um problema? Ai esta o líder para orientar, motivar e até cobrar a equipe para que tudo aconteça e funcione como uma máquina. E isso inclui comunicar as falhas de cada um (com calma e com educação), porque as pessoas nem sempre enxergam onde erraram. Comunicar as falhas de uma pessoa é dar a ela a chance de fazer novamente do jeito certo.

O bom líder não é aquele que grita mais, que briga mais, ou que é o mais temido. Aliás, o bom líder realmente não é aquele mais temido, afinal, ser temido não é necessariamente ser respeitado. O bom líder deve buscar ser respeitado, e ser, por natureza, o encorajador, o que nunca desanima, aquele que está sempre animado frente aos desafios e dificuldades - tomando cuidado para não cair no estilo "Pollyana".  Nada mais importante do que ter consciência do verdadeiro tamanho da adversidade e não se deixar cair no pessimismo ou derrotismo, incitando assim seus companheiros a fazer o mesmo.

No movimento escoteiro podemos ver vários exemplos de verdadeiros lideres. A primeira pergunta que se faz é: líder dentro do movimento escoteiro é o monitor? O chefe? Sim também são esses. Mas todos os escoteiros e escoteiras são lideres: na sua escola, em suas casas, na comunidade em geral. Com o conhecimento obtido no Movimento, eles podem se sair bem em todos os demais cenários. E normalmente isso acontece naturalmente - quando a pessoa resolve dar um "empurrãozinho" em si mesma. Então devemos aproveitar a grande oportunidade que o escotismo nos dá de aprender a ser um bom líder seguindo o esquema "ver e fazer”. como é ser um bom líder. 

Uma grande pedra de tropeço para um lider é a preguiça. Não se espante, essa é a mais pura verdade, é a preguiça mesmo! Já perceberam quantas coisas deixamos de fazer apenas por preguiça? Aquela vontade de não fazer nada que nos gruda no safá em frente à TV simplesmente não fazendo N-A-D-A. Muitas vezes eu me deixei levar e fiz exatamente isso - nada. Daí vieram todas as coisas que, de alguma forma, fugiam ao meu controle, ou me levaram a alguma situação que não saiu como eu esperava. Na hora culpava a tudo e a todos, menos a mim e a minha PREGUIÇA.  Mas olhando agora com mais atenção, analiso que foi apenas minha vontade de fazer nada, que é a vontade avessa a de ser um grande líder.

Quer ser um bom líder dentro do movimento escoteiro? Não tenha preguiça de ser um.

Quer ser um bom líder na sua profissão? Então não tenha preguiça de ser um! De o exemplo, seja animado, faça o que tiver que fazer (e, falando em trabalho, isso significa um pouco de sacrifício às vezes). Dá trabalho ser um líder, mas com certeza vale à pena.

Tenho certeza que dentro do movimento escoteiro e em todas as patrulhas não existe um jovem sequer que não seja um bom e grande líder. Se você é um bom escoteiro, certamente é um bom líder, uma coisa esta praticamente amarrada na outra. Nem todo grande líder foi (ou é) um escoteiro, mas com certeza todo escoteiro é um grande líder, basta querer.

E, para não deixar nosso discurso sem uma boa "ilustração", segue uma lista de famosos que participaram ativamente do Movimento Escoteiro. Veja só se o que falamos acima não é verdade:

Barack Obama - Primeiro presidente negro dos EUA e oitavo presidente dos EUA que foi escoteiro
Bill Clinton - Ex-presidente dos EUA
Bill Gates - Fundador da Microsoft
Benjamim Sodré - Almirante da Marinha do Brasil, futebolista de Botafogo e América-RJ além de jogar pela Seleção Brasileira de futebol.
Frei Betto - Escritor
Geraldo Alckmin - Governador de São Paulo
Gilberto Dimenstein - Jornalista
Itamar Franco - Ex-presidente e governador de Minas Gerais
Jacques Cousteau - Biólogo francês
J.K. Rowling - Escritora inglesa
José de Alencar - ex-vice presidente da República
Karol Józef Wojtyła - Papa João Paulo II
Juscelino Kubitchek - Ex - presidente
Leda Nagle - jornalista (bandeirante)
Luis Antonio Fleury Filho - Ex-governador de São Paulo
Maria Clara Machado - Escritora (bandeirante)
Neil Armstrong - Astronauta, primeiro homem a pisar na Lua.
Steven Spielberg - Diretor e produtor de filmes
Washington Luiz P. de Souza - Ex-governador de São Paulo e ex-presidente do Brasil

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails
 

Entre Fraldas e Livros Copyright © 2015 | Tema por Girly Blogger Template | Ilustração por Anne Pires