Primeiro post do ano

Hoje já é dia 04 de janeiro e eu ainda não postei nada no blog, nenhum primeiro post do ano. Eu ia fazer uma reflexão (claro, o que mais se escreve no começo de todos os anos? hehehehee), mas eu estava encarregada de fazer o primeiro post do ano no blog Mulher e Mãe, então a reflexão foi para lá (Para um 2012 realmente diferente).

Foi então que eu recebi um e-mail do meu pai, tão legal que não podia continuar sendo apenas um e-mail, precisava ser compartilhado. Então pedi autorização a ele para publicar aqui, dividir com vocês, começar o 2012 do blog com boas reflexões.

Espero que vocês gostem!

Feliz Diário de Classe em 2012

O final do ano é uma época em que naturalmente as pessoas costumam repensar suas ações passadas. É também verdade que, independentemente de nossa formação educacional, cultural, ambiente familiar e social e valores e experiências absorvidas ao longo de nossa existência, as nossas atividades principais (profissão, hobbies, etc) acabam moldando o nosso modo de enxergar, entender o mundo, a vida, o passar dos anos.

Um psicólogo tende a avaliar o mundo como uma grande rede neural com sinapses de comportamentos, o jornalista como uma aldeia global, com diferentes estágios de acesso às informações, o administrador com um enfoque sistêmico de interrelações, um velejador como o resultado da interação do veleiro sob  influência dos ventos, marés, correntes, etc, um escoteiro como efeito do seu progressivo conhecimento do mundo e de sua capacidade de utilizar soluções criativas, e assim vai.

Se perguntarmos a um professor ele talvez nos diga que a vida pode ser comparada simplesmente a um Diário de classe sem pauta (linhas). Putz, dirão alguns torcendo o nariz, Diário de classe e ainda por cima SEM pauta?

É minha gente, sem pauta. Se pensarmos bem nossa vida pode muito bem ser comparada a um Diário de classe sem pauta. Cabe a nós a tarefa de colocar as linhas nas páginas e preenchê-lo com as nossos sonhos (Conteúdo Programático), ações/realizações (atividades), etc, não é mesmo, sem possibilidade de apagar nem riscar nada. 

Então, vamos aproveitar esse último dia do ano para dar uma verificada no nosso Diário e refletir sobre o que está registrado nele? Estará cheio de boas anotações? Temos muita coisa que gostaríamos de não ter registrado ou até mesmo de apagar? Temos muitas atividades que fomos adiando, adiando e até hoje não colocamos no caderno? E como foi o nosso rendimento? Estamos em falta, dependência ou fomos reprovados? E (o mais importante) será que poderemos mostrar esse Diário sem problemas e com orgulho a nossos pais (coordenadores), irmãos/amigos (colegas de profissão) e aos nossos filhos (alunos)? E que nota eles nos dariam?

Que em 2012 o seu Diário e de sua família seja repleto de boas anotações e boas notas!
Maurício Rosa

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails
 

Entre Fraldas e Livros Copyright © 2015 | Tema por Girly Blogger Template | Ilustração por Anne Pires