Férias: você sabe como passar o protetor solar corretamente nas crianças?

Chegam as férias, a gente corre para aproveitar o sol, seja na praia, na piscina ou até mesmo na fazenda. Mas basta dar uma bobeira e as crianças (e nós também) ficamos vermelhos e ardidos. E não se enganem: até eu que sou bem morena também já fiquei ardida, justamente porque fiquei confiante demais na minha cor.

E se as crianças ficam ardendo nosso trabalho acaba sendo dobrado, porque sofrem eles e sofre a mãe. Então o melhor é mesmo prevenir! Mas você sabe como passar corretamente o protetor solar? Eu demorei um tempo para me acostumar, mas acho que agora peguei o jeito. E dessa vez meus pequenos ficaram bem negões e nem descascaram nadica de nada!! Então resolvi compartilhar algumas dicas:

Alice adora nos ajudar a fazer a "pintura de índio"
- Lembre-se de que o protetor solar deve ser passado com, pelo menos, 15 minutos de antecedência ( o ideal mesmo são 30 minutos). Por isso, o ideal é passar antes de sair de casa, com a pele ainda seca. E nada de ficar economizando. Se não passar a quantidade certa, vai queimar do mesmo jeito.

- Não tem problema se ficar meio branquinho, depois de um tempo ele fica normal. E o ideal é não passar em círculos, mas em linha reta.

- Nada de reaproveitar aquele protetor solar que estava no armário desde a época do ronca. Fique de olho na data de validade, porque protetor vencido causa alergia e irritação na pele.

- Com as crianças de roupa de banho, passe em todos os lugares, não esquecendo que pés, orelhas, pescoço e mãos também queimam. É muito comum esquecer esses locais (Alice agora fala: orelha também queima, né mamãe? rsrs)

- Não adianta passar uma vez só e esquecer. Faça a reaplicação a cada duas horas ou se as crianças ficarem muito tempo na água.

- Uma boa dica para crianças que não querem nunca sair do sol é utilizar roupas com proteção solar. Eu comprei uma camiseta para o meu marido, que é muito brancão e sempre fica vermelho, com FPS 50. Foi ótimo! Meu pai também sempre utiliza esse tipo de roupas no veleiro dele. Este ano dei um boné com FPS para ele, de Natal.

- Crianças pequenas que têm pouco cabelo devem ficar de chapéu, para evitar queimar o couro cabeludo.

- Compre um protetor solar específico para o rosto. Normalmente eles escorrem menos, não ficam pegajosos e não ardem nos olhos. Como eles nunca gostam de passar no rosto, uma dica é brincar de indío: primeiro faça a "pintura", deixe que eles se divirtam um pouco com isso e depois espalhe (mas não vai esquecer essa parte, hein?). Os meus adoram!!

2 comentários:

Layana disse...

Eu também passo antes de sair de casa, e bem melhor, quem consegue fazer as cria ficarem paradas quando chega ao local da diversão?

Layana disse...

Eu também passo antes de sair de casa, e bem melhor, quem consegue fazer as cria ficarem paradas quando chega ao local da diversão?

Related Posts with Thumbnails
 

Entre Fraldas e Livros Copyright © 2015 | Tema por Girly Blogger Template | Ilustração por Anne Pires